quinta-feira, 20 de maio de 2010

Mulheres x HIV

2 comentários:

Brasil Desnudo disse...

Belo comentário e alerta!
Há quase 30 anos a doença entrou no país, na década de 80, onde foi detectado o primeiro caso da doença..
Mas!Complexo ainda, falar que o HIV é um fator de risco para muitos.
Da relação SEXUAL!
A união dos dois seres, quando se atraem, se apaixonam e passam a ter uma relação contínua, torna para os dois, a mesma hipótese... Somos íntegros, sinceros um com o outro, amantes, amados, não trairemos um ao outro...
Daí!
Vem o descuido! Passamos a querer mais, onde descartamos a hipótese da doença... Fazemos amor com intensidade, daquilo que acreditamos no parceiro(a), sem nos preucuparmos mais com a prevenção.
O fato é!
Isso é exclusivamente a confiança que depositamos no Amor, onde muitas das vezes nos cega, nos deixa a deriva, sem saber o que realmtente pode vir acontecer.
Hoje ser portador do vírus HIV não é mais um tabu, uma discriminação, como há algum tempo atrás, mas todo cuidado é bem vindo, mesmo sabendo que, as pessoas hoje, tem uma melhor qualidade de vida com o tratamento adequado, através dos remédios à disposição dos infectados.
Podemos considerar hoje que, o soro positivo é como se fosse um diabético, que terá que tomar insulina para o resto da vida.

Mas devemos nos cuidar, com Certeza!

Belo blog o seu


Marcio RJ

Alessandro Barros disse...

Esse problema é muito complicado, se levar-mos em questão que muitas mulheres só pelo fato de ter uma relação "instável" acham que podem transar sem preservativo. Na verdade hoje em dia com a liberação sexual, muitas das vezes o relacionamento é um relacionamento não de compromisso, é um relacionamento "aberto", moderno e a fidelidade é de longe uma verdade. A informação existe a respeito, em minha opinião ela pode ser um pouco mais massante. O que acontece é uma não valorização dessa informação. Fiz um artigo sobre esse assunto que na verdade é uma chamada para um debate. acho eu como profissional de enfermagem, que o debate é fundamental para a produção e disceminaçào de informação. Partipe de nosso debate.
Artigo: O Hiv/Aids. Assassino em Massa – Previna-se!