domingo, 27 de setembro de 2009

Ato contra a criminalização das mulheres e pela legalização do aborto!


Um comentário:

O Jornal Tresler e a Espiral do Silêncio disse...

Sou contra o aborto, pessoalmente, mas por motivos republicanos, mudo de idéia: me torno favorável.

O que eu acho triste, é criticarem tanto o aborto quanto a educação sexual nas escolas e na tv. Ora, isso é injusto. Deviam ser contra o aborto -tudo bem -, mas deixar livres as campanhas educativas e não atacá-las com moralismos.

Outra coisa é a questão da punição. É a menina que é assassina de um inocente, é ela que deve sentir culpa, ir pra cadeia e depois, se bobear, ir para o inferno.
E o homem? Acontece nada? As garotas ficam grávidas sozinhas? (risos) Estranho.

Deixa pra lá.

Abraços, Gabriela